Luciana Gimenez voltou às redes sociais para se manifestar a respeito da polêmica de uma notícia publicada envolvendo seu pai, morto em 2020.

O colunista Leo Dias divulgou informações dizendo que João Alberto Morad havia deixado uma apólice de R$ 2 milhões para uma mulher desconhecida.

Na noite da quarta-feira, 8 de junho, a Luciana se manifestou indignada com a situação e declarou que esse tipo de informação não gera interesse do grande público.

Ela ainda protestou pedindo respeito e privacidade, visto que ela não costuma divulgar detalhes de sua vida particular.

Nesta quinta-feira, 9 de junho, ainda que indiretamente, a apresentadora disparou contra o colunista publicando o seguinte recado:

“Pai, sua carta continua muito atual e mais verdadeira do que nunca. Obrigado por ser um pai tão carinhoso e presente. Obrigado por me ensinar a ser a pessoa que sou.

Hoje mais do que nunca, antes de falar algo de alguém paro e penso nas consequências que aquelas palavras podem causar no outro.

Que eu possa diariamente botar a cabeça no travesseiro com o coração leve e tranquilo que não magoei ou fiz mal a alguém. Não existe a família perfeita, mas família é sagrado para quem a respeita. Que mesmo de longe, que eu possa continuar te dando orgulho. Te amo para sempre”, escreveu.

Junto a mensagem, ela republicou uma carta escrita pelo pai dizendo sobre o que é a vida. Em um trecho, ele diz que aprendeu que’ a maldade se esconde trás de uma bela face’, que ‘os amigos verdadeiros são aqueles que realmente ficam com você’, e etc.

No Stories, Luciana ainda agradeceu as mensagens de carinho que tem recebido após a grande polêmica. “Estou entrando aqui para agradecer todas as pessoas que foram gentis e queridas, amáveis e solidárias.

Luciana Gimenez foi às redes sociais na noite desta quarta-feira, 8 de junho, após uma notícia envolvendo sua família ganhar a mídia.

Nessas horas nós vemos quem são os nossos amigos de verdade. Pessoas que nós menos esperamos e que se solidarizam com a sua dor e perda. Nunca é fácil nó acessarmos a morte de um parente”, disse.

“Para vocês que falaram que eu estava fingindo porque eu estava chorando, estou na televisão há 20 anos e nunca fiz esse tipo de desabafo.

Ontem me pegou de surpresa, estava e um momento fragilizado e desabei realmente. Sou um ser humano como todo mundo. Nós tem momentos de fraqueza.

Isso faz parte do ser humano. O que não faz parte é a falta de consideração. Para quem não sabe, sou filha única do meu pai. Ele era muito temente a Deus, gostava muito de Nossa Senhora Aparecida, me batizou lá.

Ela era minha madrinha. Meu pai sempre falou que todas s vezes que eu estivesse triste, era para pensar nela. Ontem pensei muito nisso e tive memórias boas.

Quando nós perdemos um familiar, tem que lembrar de momentos bons. Li comentário que me machucaram. Mas vou voltar a ser essa pessoa forte para meus filhos e amigos. Ontem foi um dia que me pegou desarmada. Não sou uma pessoa de fazer desabafos na internet”, pontuou.

Luciana Gimenez ainda criticou que os repórteres de Leo Dias não procuraram sua assessoria de imprensa para confirmar qualquer tipo de informação. De novo, ressaltou que a informação não, levaria qualquer tipo de entretenimento ao público.

“Não me ligou, perguntou. Isso é jornalismo para você? O que isso traz de entretenimento para o público? O meu sofrimento? Eu espero que você tenha respeito, porque por mim você não teve.

Não ligou para meu assessor de imprensa, para mim. Isso é o cúmulo”, seguiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.