Em conversa com este colunista na manhã desta quinta-feira (2/6), Carlinhos Maia disse que pensa em não morar mais no seu apartamento de Alagoas: “Acho que não volto”. O local foi assaltado no fim de semana passado, enquanto o humorista fazia uma cirurgia e seu marido, Lucas Guimarães, viajava a trabalho.

A cobertura do casal ocupa um andar inteiro, em um prédio anexo ao mais luxuoso e famoso hotel de Alagoas, o Ritz Lagoa da Anta.

Maia se mostrou muito abalado com toda a situação, principalmente diante das suspeitas de que os responsáveis pelo roubo são pessoas muito próximas ao casal.

Como a coluna LeoDias divulgou previamente nesta semana, somente cerca de cinco pessoas, além de Lucas e Carlinhos, tinham acesso ao código.

O artista reflete muito sobre o que deve fazer a partir de agora e não esconde de seus seguidores a tristeza que está sentindo.

A conversa do humorista com o titular desta coluna também seguiu os mesmos padrões de franqueza. Carlinhos se diz confuso no momento, e teme por crises de pânico, caso volte para a cobertura.

“Eu suponho que não volto pro apartamento, eu tenho crise de pânico. Provavelmente não volto, estou confuso”, refletiu o influenciador.

Vale lembrar que além de toda essa situação, Carlinhos ainda está em processo pós-operatório, depois de uma cirurgia plástica para tirar a flacidez do abdômen, chamada Lipo HD Renuvion.

É comum perder muito sangue durante o procedimento, seguido pela utilização de um dreno. Ou seja, além do desconforto, a pessoa operada também pode acabar se sentindo um pouco mais confusa e fraca e, consequentemente, mais vulnerável.

Diante de tantas dúvidas, ainda existem as que rondam o caso em si. Felizmente, a Polícia Civil de Alagoas parece encontrar mais peças deste quebra-cabeça a cada dia.

Como a coluna LeoDias revelou nessa quarta-feira (1º/6), o órgão público já pediu a prisão de alguns dos suspeitos do caso, que não tiveram os nomes revelados para que não tentassem fugir da região.

Além disso, a polícia também já sabe como os ladrões entraram no prédio, assim como notaram a familiaridade dos criminosos com o sistema de segurança do local.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.